Hearthstone

A história sendo construída nas Hearthstone Global Finals

A história sendo construída nas Hearthstone Global Finals

Xiaomeng “VKLiooon” Li começou a corrida nas Global Finals marcando território, mandando o campeão mundial de 2017, Chen “tom60229” Wei Lin, para a chave inferior com uma vitória por 2x0. Em seguida, a jovem de 23 anos superou o veterano da Europa Chris “Fenomeno” Tsakopoulos por 2x0 e garantiu uma vaga na semifinal. Nessa etapa, ela venceu uma disputa acirrada contra Kevin “Casie” Eberlein, cravando 3x2 e ficando com a vaga na final.

EIUZdJNXkAE8xkE.jpeg
Todos já conhecem o funcionamento do programa Grandmasters no Ocidente, mas a China tem um sistema diferente de classificação para as Global Finals. Na China, a temporada tem quatro eventos presenciais, com dois torneios importantes ocorrendo em cada um — o “Masters Group”, com 64 jogadores de elite, e uma chave aberta com 1024 pessoas. VKLiooon ficou entre os 6 melhores no Masters Group em três desses eventos antes de carimbar o passaporte para a BlizzCon no quarto e último evento da temporada, em Tianjin.

Como parecia já predestinado, VKLiooon derrotou Brian “bloodyface” Eason de lavada e se tornou a primeira campeã mundial da China, também fazendo história por ser a primeira mulher a levar um troféu na BlizzCon. Confira as listas de decks da final aqui.

“Eu quero dizer a todas as mulheres que sonham com e-sports, com a competição e com a glória: se vocês realmente quiserem e acreditarem em si mesmas, não pensem no seu gênero e mandem ver”, disse VKLiooon.

20191103_Helena-Kristiansson_BlizzconHS_02433.jpg
Parabéns, VKLiooon!

Divider_2019Dragon_EK_600x100.png

Próximo artigo
Overwatch
1d

Bastidores do Suéter Feio: 76

Veja os bastidores do novo e deliciosamente feio visual de suéter do Soldado: 76 com o artista responsável